Hoje inicia a campanha Março Azul Marinho, um mês dedicado à prevenção do câncer de colo e reto, também chamado colorretal, e que é a segunda neoplasia mais comum em homens e mulheres.

O cirurgião oncológico do Gastro Medical Center, Rodrigo Baretta, esclarece as principais dúvidas sobre o assunto:

1.Quais são os fatores de risco para desenvolver o câncer de colo e reto?

Os principais desencadeadores do câncer colorretal são obesidade, sedentarismo, idade maior que 45 anos, história familiar positiva, tabagismo, alcoolismo, baixa ingestão de frutas e verduras, alto consumo de carnes vermelhas e algumas doenças genéticas como polipose adenomatosa familiar ou inflamatórias do intestino, como doença de Crohn ou colite ulcerativa.

2. Como prevenir a doença?

Manter uma alimentação saudável, realizar atividades físicas regulares, limitar a ingestão de álcool e carnes vermelhas, não fumar e manter acompanhamento médico regular. Também é muito importante realizar o exame de colonoscopia após os 45 anos ou em caso de histórico na família, 10 anos antes da idade que o parente teve diagnóstico positivo para o câncer colorretal.

3. Porque a colonoscopia é importante?

A maioria dos tumores colorretais começa com uma pequena lesão chamada de pólipo que pode ser removida pelo exame de colonoscopia antes de se transformar em um câncer. Por esse motivo, o exame é extremamente importante e é capaz de realizar tratamento precoce das lesões, sem necessidade de tratamentos mais invasivos como a cirurgia, radioterapia e quimioterapia. Esse exame é fundamental e capaz de mudar a história natural da doença, reduzindo a mortalidade.

4. O câncer colorretal tem sintomas?

O câncer de colo e reto pode não apresentar sintomas, mas os mais comuns são: diarreia ou constipação, sensação de que o intestino não é completamente esvaziado, sangue nas fezes, dor e inchaço abdominal e perda de peso. Ao observar qualquer um destes sintomas é importante procurar avaliação médica.

5. Como é o tratamento?

Irá depender do estágio da doença e a localização do tumor, mas pode incluir cirurgias, quimioterapia e radioterapia.

Sempre importante ressaltar que o conteúdo é apenas educativo e que qualquer dúvida ou sintoma citado deve ser esclarecido em consulta com o seu médico. 

**************************
Gastro Medical Center

Telefone: (48) 3030 2930
Whatsapp: (48) 3030 2930
E-mail: atendimento@gastromedicalcenter.com.br
Website: gastro.floripa.br

Faça contato para saber sobre planos de saúde e formas de pagamento.

Diretor Técnico: Dr. Silvio Feiber Filho – CRM/SC 7843 – RQE 6243

Conteúdo meramente informativo, não devendo ser
utilizado para realizar diagnósticos ou tratamentos.
Consulte um médico em caso de dúvidas.

Diretor Técnico: Dr. Silvio Feiber Filho
CRM/SC 7843 RQE 6243
Feito para você de ❤ Políticas de privacidade