Azia, queimação, engasgos, desconforto na garganta, tosse e dor no peito. Conviver com o refluxo gastroesofágico é a realidade de aproximadamente 20 milhões de brasileiros. E os casos têm crescido, tendo em vista os maus hábitos alimentares e o aumento de peso da população.

A boa notícia é que os tratamentos para a doença de refluxo também evoluíram. Até pouco tempo era realizado somente o uso de medicamentos contínuos e para os casos mais graves, a realização da cirurgia. Aprovada em 2018 pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), a terapia Stretta é uma das alternativas mais recentes e proporciona uma grande melhoria de qualidade de vida em relação aos tratamentos convencionais.

O procedimento é seguro e com índices de complicações infinitamente menores ao da cirurgia. É realizado por meio de endoscopia em uma única sessão. “Não há internação e nem anestesia geral. Uma sonda é introduzida pela boca e direcionada para a musculatura da entrada do estômago, quando são aplicadas ondas de radiofrequência nesse músculo, deixando-o mais espesso e criando uma barreira que impede o retorno do conteúdo do estômago para o esôfago, garganta e vias aéreas”, explica o cirurgião e endoscopista do Gastro Medical Center, Silvio Feiber Filho. 

A indicação da terapia Stretta deve ser criteriosamente avaliada pelo médico e paciente. Quer saber mais sobre esse assunto? Fale com nossa equipe de atendimento pelos contatos a seguir. 

**************************
Gastro Medical Center

Telefone: (48) 3030 2930
Whatsapp: (48) 3030 2930
E-mail: atendimento@gastromedicalcenter.com.br
Website: gastro.floripa.br

Faça contato para saber sobre planos de saúde e formas de pagamento.

Diretor Técnico: Dr. Silvio Feiber Filho – CRM/SC 7843 – RQE 6243

Conteúdo meramente informativo, não devendo ser
utilizado para realizar diagnósticos ou tratamentos.
Consulte um médico em caso de dúvidas.

Diretor Técnico: Dr. Silvio Feiber Filho
CRM/SC 7843 RQE 6243
Feito para você de ❤ Políticas de privacidade