No Dia Mundial da Diabetes, 14 de novembro, o Gastro Medical Center reforça a importância do envolvimento da família nos cuidados com a pessoa diabética, tema da campanha da Federação Internacional de Diabetes (IDF) este ano.

“A diabetes se não controlada pode acarretar em complicações no coração, nas artérias, nos olhos, nos rins, nos nervos e até mesmo levar à morte. O diabético, na maioria das vezes, precisa mudar muito sua rotina. O apoio e incentivo da família no cuidado com a alimentação, prática de exercícios físicos e para seguir as recomendações médicas pode ser fundamental”, explica o endocrinologista do Gastro Medical Center, João Carlos Gonçalves Junior.

O médico lembra que a doença não se restringe a adultos e idosos e que crianças também podem desenvolver a enfermidade. Os principais sintomas da diabetes são fome, sede excessiva e vontade de urinar várias vezes ao dia. “Sobretudo quando há fatores de risco, como obesidade ou histórico familiar, é importante dialogar sobre bons hábitos de saúde e todos juntos prevenirem-se contra a doença. Em caso de sintomas o médico deve ser consultado para avaliação”, orienta.

Os tipos mais comuns de diabetes são:

Diabetes tipo 1:ocorre mais em crianças e adolescentes,por uma reação autoimune contra as células beta do pâncreas, acarretando uma baixíssima produção de insulina. Corresponde a quase 10% dos casos.

Diabetes tipo 2: ocorre quando a insulina produzida pelo pâncreas não funciona adequadamente, e o próprio corpo produz glicose em excesso. É a forma mais comum, sobretudo entre adultos, e tem forte componente hereditário. Sofre ainda a influência do sobrepeso, sedentarismo, triglicerídeos elevados, esteatose hepática (gordura no fígado), hipertensão e hábitos alimentares inadequados.

Diabetes Latente Autoimune do Adulto (LADA): é como uma forma de diabetes tipo 1, com a mesma origem autoimune, mas incidindo entre adultos. Caracteriza-se por uma forma mais branda de deficiência de insulina, mas requer a insulinização para seu bom controle.

Diabetes gestacional: acomete as gestantes, mas também aumenta o risco futuro desta mulher tornar-se diabética tipo 2. Pode trazer complicações para a mãe e para o recém-nascido. Mais frequente entre gestantes mais velhas, naquelas com histórico familiar de diabetes, nas que iniciam a gestação com sobrepeso ou aumentam muito peso durante a gestação.

**************************
Gastro Medical Center

Telefone: (48) 3030 2930
Whatsapp: (48) 3030 2930
E-mail: atendimento@gastromedicalcenter.com.br
Website: gastro.floripa.br

Faça contato para saber sobre planos de saúde e formas de pagamento.

Diretor Técnico: Dr. Silvio Feiber Filho – CRM/SC 7843 – RQE 6243

Conteúdo meramente informativo, não devendo ser
utilizado para realizar diagnósticos ou tratamentos.
Consulte um médico em caso de dúvidas.

Diretor Técnico: Dr. Silvio Feiber Filho
CRM/SC 7843 RQE 6243
Feito para você de ❤ Políticas de privacidade