“Embora considerado raro, representando de 1 a 2% de todos os tumores colorretais, é necessário ficar alerta aos sintomas do câncer anal e não deixar de procurar um médico, pois como os demais tumores, quanto antes o diagnóstico, maiores probabilidades de tratamento”, orienta o coloproctologista do Gastro Medical Center, Alvaro Steckert Filho.

Os sintomas mais comuns do câncer anal são sangramento, coceira, nódulo ou massa no ânus, dor na região, alteração do diâmetro das fezes, descarga anormal no ânus e aumento de tamanho dos gânglios linfáticos na área do ânus ou virilha.

A infecção pelo vírus do papiloma humano (HPV) é a principal causa do câncer anal – doença que ocorre no canal e nas bordas externas do ânus. No caso de infecção pelo HPV, o tratamento e controle das verrugas reduz as chances de evolução desfavorável, e a detecção precoce de lesões malignas aumenta as chances de cura

Sobre o HPV

O HPV é transmitido na relação sexual, mas o simples contato com a pele infectada pode transmitir o vírus. As formas de prevenção são o uso da camisinha e a vacinação que é disponibilizada gratuitamente pelo SUS para meninas de 9 a 14 anos e meninos de 11 a 14 anos.

Homens e mulheres com o vírus HIV e que tenham entre 9 e 26 anos também podem realizar a vacina pelo SUS, assim como portadores de câncer que realizem quimioterapia ou radioterapia, e pacientes transplantados – nestes casos, sem restrição de idade.

**************************
Gastro Medical Center

Telefone: (48) 3030 2930
Whatsapp: (48) 3030 2930
E-mail: [email protected]
Website: gastro.floripa.br

Faça contato para saber sobre planos de saúde e formas de pagamento.

Diretor Técnico: Dr. Silvio Feiber Filho – CRM/SC 7843 – RQE 6243

Conteúdo meramente informativo, não devendo ser
utilizado para realizar diagnósticos ou tratamentos.
Consulte um médico em caso de dúvidas.

Diretor Técnico: Dr. Silvio Feiber Filho
CRM/SC 7843 RQE 6243
Feito para você de ❤ Políticas de privacidade