Uma dieta saudável, com consumo diário de frutas, legumes, verduras, além de muito líquido, é a principal maneira de evitar a diverticulose

A diverticulose é caracterizada pela presença de pequenos sacos na parede do intestino chamados divertículos, normalmente assintomáticos. A Sociedade Brasileira de Coloproctologia (SBC) estima que por volta dos 50 anos, pelo menos metade da população tenha os divertículos.

É a inflamação dessas bolsas – a chamada diverticulite – que pode trazer complicações para o paciente. Nesse caso há dor aguda, mau funcionamento do intestino e até febre e mal-estar. O tratamento exige o uso de antibióticos e, nos casos mais graves, pode incluir internação e até cirurgia, especialmente quando há perfuração intestinal. Ao contrário do que muitos pensam, a diverticulite não é causada por nenhum tipo de alimento, como as sementes. Na verdade, as fibras ajudam na proteção do intestino. Outro sintoma da doença diverticular que merece atenção é o sangramento, que pode cursar até com hemorragia.

Mudar hábitos e adotar um estilo de vida mais saudável é essencial para evitar novas crises e até a piora do quadro. A dieta ideal pode ser sugerida por um médico especialista em Coloproctologia e o paciente deve ter acompanhamento também de uma Nutricionista.

*****
Gastro Medical Center
Telefone: (48) 3030-2930
Whatsapp: (48) 3030-2930
E-mail: [email protected]
Website: https://www.gastromedicalcenter.com.br
Diretor Técnico: Dr. Silvio Feiber Filho – CRM/SC 7843 RQE 6243
*****

Conteúdo meramente informativo, não devendo ser
utilizado para realizar diagnósticos ou tratamentos.
Consulte um médico em caso de dúvidas.

Diretor Técnico: Dr. Silvio Feiber Filho
CRM/SC 7843 RQE 6243
Feito para você de ❤ Políticas de privacidade